O habeas corpus de Nuzman e as diferenças na noção de tempo. “Assim é, se lhe parece”.

2 Resultados

  1. FABIO ELIAS SAMPAIO disse:

    Infelizmente no Brasil não existe interesse em realmente se fazer algo que beneficie o coletivo e sim o individual e alguns indivíduos. Esses senhores mencionado na reportagem bem como outros desse imenso cenário de corrupção do qual não sabemos onde vai parar , são apenas parte ou micro células de um gigantesco sistema de organizações criminosas que tomam conta do dinheiro público, por isso é admirável a coragem do Jornalista Lucio Castro em publicar reportagens de denúncias contra esses ratos que querem posar de mocinho. Isso que é jornalismo . Parabéns também os procuradores que cada vez mais mostram com muita coragem a verdadeira face dos nossos governantes.
    Jornalismo sério e justiça fazendo justiça, sem dúvida o caminho da faxina do nosso país.

  2. Augusto Pinheiro disse:

    Meu caro Lúcio de Castro. Meu respeito por quem expõe com coragem as entranhas desse poder paralelo e dos componentes dessa quadrilha. Grande abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.